Mãe gostosa que decidiu transar com seu filha pela primeira vez

10
18

Felix era Um homem de bom caráter. Tinha um emprego importante e uma família estável. Mesmo assim, era viciado em sexo e vivia constantemente tendo fantasias eróticas. Uma de suas fantasias sempre presentes era com a sua mãe e, sempre que tinha oportunidade, “colocava em prática” suas fantasias com outras mulheres.

Naquela noite, ele encontrou-se com uma mulher misteriosa em um hotel. O prédio ficava nas proximidades da sua casa e Felix achou interessante poder ficar ali do lado de casa durante suas aventuras. A mulher com a qual estava encontrada era uma loira misteriosa que ele conhecera virtualmente. Sem nenhum papel de gênero definido, sempre havia uma provocação sexual entre eles.

Eles haviam se entendido para se encontrar no hotel e quando Felix a viu nua na cama, ao chegar, se deu conta de que essa mulher era muito mais do que o que ele havia imaginado. Ela era magra e tinha um corpo parecido com o de uma deusa. E o que mais chamou a atenção de Felix foi o fato de que ela não tinha um pelo no corpo. Simplesmente era a mulher perfeita para suas fantasias.

Mãe safada

Os dois estavam nu dos pés à cabeça e começaram a se beijar. As mãos de Felix percorriam o corpo da mulher e quando desceu até sua Buceta, ela murmurou algo que fez Felix ficar estranhamente tonto, como se tivesse virado para dentro de si mesmo e estivesse lendo sua mente. “Isso aqui é bem parecido com a buceta da minha mãe”, ela disse.

Aquela frase pegou Felix de surpresa. Não esperava que ela dissesse algo assim tão abrupto, mas ficou ainda mais surpreso quando ela iniciou um boquete e murmurou em seu ouvido: “Estou fazendo um boquete na tua mãe”, enquanto lhe puxava cada vez mais fortemente para dentro de sua boca.

Felix não conseguia mais conter seus desejos. Ela o deixara louco. Ele estava pronto para ceder às suas fantasias e começou a deslendar seus melhores movimentos para ela. A mulher gemia cada vez mais alto e aproveitava cada carícia selvagem que recebia. Felix estava no alto de sua excitação quando ela o empurrou de repente para cima dela e partiu para a próxima ação: ela começou a se masturbar e a ensinar Felix a lhe dar o prazer que ele tanto desejava.

A safada lhe ensinou tudo que ele precisava saber para fazer de suas fantasias uma realidade. Logo Felix estava deslizando seu pau dentro dela, sem pressa para gozar. Eles transavam freneticamente até que ela começasse a soltar gritinhos quentes de prazer. Quando o orgasmo dos dois se aproximou, eles não conseguiram segurar mais os gemidos.

Felix gozou como nunca gozou antes. Então caiu, ofegante e satisfeito, ao lado da mulher que lhe ensinara esse novo ritual para o sexo. E deitado na cama depois daquela aventura, ele começou a transar mentalmente com sua mãe enquanto sua imaginação deixava o ato real mais gostoso e selvagem do que jamais havia experimentado.

Aconteceu o inesperado

No outro dia quando Felix acordou, mal podia acreditar no que tinha acontecido. Estava com tesão e ainda não havia tomado uma decisão se ia ou não contar para a sua mãe o que havia acontecido na noite anterior. Mas, justamente quando ele ia sair do quarto, ouviu batidas na porta: era a sua mãe! Ela estava ali para mostrar a ele um belo e sofisticado presente que ela tinha comprado. Já estavam próximos do natal, então ela queria lhe presentear. Mas o que ela não esperava, era que logo pisando dentro do quarto, ela flagrasse Felix transando com outra mulher.

Logo Felix percebeu que a mulher com quem estava ali transando com ele era seu irmão mais velho disfarçado. Ele havia sido contratado pela mãe de Felix para flagrar o que tinha acontecido naquele quarto. Infelizmente para Felix, sua mãe tinha habilidade para desmascarar seu irmão e ele teve que confessar a ela o que estava ocorrendo.

A mãe de Felix estava enfurecida, mas ao mesmo tempo interessada em saber sobre o que havia acontecido ali. A mãe de Felix disse que queria entender o que havia acontecido e assim ela não precisaria tomar medidas mais severas contra Felix. Ela queria que Felix lhe contasse detalhadamente o que eles tinham feito durante a noite. E, de uma forma estranha e perigoco, ela queria que Felix lhe contasse tudo que havia acontecido no quarto e que ele incluísse as partes mais íntimas, que era o que realmente lhe interessava.

Felix estava envergonhado, mas ao mesmo tempo fascinado com a situação. Sentia prazer, mas também sabia que precisava contar tudo para que sua mãe não tomasse nenhuma medida contra ele. E quando ele começou a contar tudo o que havia acontecido na noite anterior, ele sentiu que ela já sabia a resposta para todas as questões, mas gostava de ouvir os detalhes.

Cada palavra que saía da boca de Felix ia de encontro à excitação da mãe de Felix. Ela, por sua vez, começou a passar as mãos pelo corpo de Felix, tocando-o intimamente. E quando Felix chegou à parte em que eles começaram a se beijar e transar, a mãe de Felix sacou o pau de seu filho e começou a lamber e chupar com vontade.

A mãe passou a ensinar

Felix não sabia como reagir. Estava surpreso com aquela mulher que dias antes não mostrava querer fazer sexo com ele. A mãe logo começou a se mexer como uma mulher experiente e quente e começou a ensinar as melhores técnicas para o sexo para seu filho, como a pular direto para oral e a penetração anal.

Ela ensinou tudo que havia recebido de seu filho, mas com um toque especial de erotismo. Cada passo que eles realizavam era como se eles estivessem dançando com o fogo. Era quente e sensual. E quando eles já estavam próximos da gozada, o tesão era tão grande que os dois logo explodiram em líquidos quentes de prazer.

Felix nunca tinha experimentado algo assim antes, e embora ambos estivessem envergonhados por aquilo que acabaram de fazer, eles não conseguiram esconder sua satisfação. E quando a mãe de Felix se levantou para ir embora, ela virou-se para seu filho e lhe deu um lenço para limpar o presente que ela lhe oferecera.

Felix agradeceu-lhe muito e, pela primeira vez, sentia-se perto dela. Viram-se de novo naquela noite, dessa vez na casa deles, e lá a mãe de Felix lhe ensinou mais sobre sexo e, como recompensa, ela permitiu que Felix dissesse suas fantasias mais selvagens para realizá-las com ela, tendo ela como espectadora.

Desde então, Felix e a mãe têm encontros escondidos e trepam tanto quanto querem. E cada vez que se vêem, a fantasias pervertidas se tornam mais estranhas, intensas e excitantes. Eles extendem e realizam tudo o que Felix imaginava desde a infância.


Mais vídeos